quinta-feira, 16 de outubro de 2014

Mais causos corporativos

Chego cedinho para dar aula na empresa e a sala da minha aluna está vazia. Espero 10, 15 minutos até sair para perguntar a alguém se sabia onde ela estava, já que ela não é de dar o cano. Encontro um outra aluna de um horário diferente.

"Oi Mariazinha, você sabe se a Ritinha veio trabalhar hoje?"

"Aaaah, você não está sabendo? A Ritinha teve bebê."


Cara de quem está dando aula para a Ritinha há um ano e tem certeza absoluta de que ela nunca esteve grávida neste período. 


"Oi?"

"Pois é, menina, um bebê. Chama Matheus e ela embarcou ontem pra Pernambuco pra buscar!"


Tenho certeza que a FDP da Mariazinha fez isso com todo mundo na firma. Certeza. 

Aliás, felicidades para vocês, Ritinha e para o Matheus. Até daqui a seis meses. 

2 comentários: