terça-feira, 4 de outubro de 2016

Tá tudo devagar, tá tudo uma loucura

Tá tudo meio devagar mas tá tudo corrido pra caramba. Tá devagar porque não tem novidade (quer dizer, tem sim, novidadona, mas preciso de autorização pra contar). Tá corrido pra caramba porque peguei dois alunos particulares no período da manhã e agora oficialmente estou trabalhando das 8 às 8 e sábados. Fora que Outubro é sempre caótico com dia das crianças, dos professores, reunião de pais e Halloween, tudo pra eu organizar by myself with a little help from my team.

Sobre os alunos particulares: é aquela loteria e pode ser que você tenha que passar três horas por semana com um eleitor do Bolsonaro e tals, mas dessa vez eu dei sorte. Os dois tem mais ou menos a minha idade e são legais, conversadores, questionadores e inteligentes. Um é dono de uma empresa que desenvolve aplicativos de celular e o outro já fez seu primeiro milhão numa empresa de investimentos sem falar inglês. O legal de dar aula particular é essa possibilidade de conhecer gente tão fora do meu meio. Estas aulas particulares aliás, vão patrocinar minha segunda novidade (além da novidadona que assim que estiver autorizada eu volto pra contar): estou prestes a riscar mais um item da minha bucket list e levar minha mãe para a Itália no aniversário ela, em Março. Vai ser também minha chance de fazer as pazes com Roma, que me recebeu fria, chuvosa e lotada quando fui pra lá no começo de 2015. De lá os planos são Lisboa, que eu ainda não conheço. Tem tanta coisa pra planejar e tão pouco tempo, hotel, passaporte, translados. Minha primeira viagem planejada praticamente sozinha. A primeira viagem internacional da minha mãe. A vida é cheia de primeiras vezes e eu espero que essa seja linda (e que eu e dona Neide não nos matemos pelo caminho porque esse é nosso jeitinho de amar - se isso não é uma música do Raça Negra, deveria ser).

A parte boa é que dessa vez as fotos estão garantidas, já que fui procurar fotos minhas em Roma e achei um total de 0.


É esse o tipo de foto que eu tiro quando viajo, dsclp

Um comentário: